Apresentação

NOTA DO SINPRO-BA CONTRA O GOLPISMO E EM DEFESA DA DEMOCRACIA
Publicado em 26.02.2020 19:26:20

 

O Sindicato dos Professores no Estado da Bahia – SINPRO-BA vem a público manifestar o seu mais absoluto repúdio à postura golpista do sr. Jair Bolsonaro, presidente – até o momento – do Brasil. O descompromisso e evidente desgosto do ora presidente pela democracia e suas instituições não é algo novo, sempre fez parte da sua visão sobre o mundo político, como ao longo das suas quase três décadas de absoluta ausência de dedicação e produtividade no Parlamento.

O ora presidente tem cometido crimes de responsabilidade desde que assumiu o cargo – que faz questão de desonrar cotidianamente -, o que já poderia e deveria ensejar a abertura de processo de impeachment. Sabemos, porém, que isto depende do Congresso Nacional, posto que se trata de um julgamento político.

Nós, defensores dos trabalhadores, sabemos que estamos longe de ter um Congresso que, na sua maioria, represente os interesses dos trabalhadores. No entanto, defendemos, instransigentemente, a regra democrática e as instituições da República, mesmo quando muitas delas atuam no sentido de solapar e mesmo subtrair direitos dos trabalhadores, como ocorreu com as “reformas” trabalhista e previdenciária. Isto é do jogo democrático, e apenas numa democracia é possível buscar a possibilidade de superação disto.

Para o SINPRO-BA, que sobreviveu à ditadura civil-militar, que se empenhou pela redemocratização do Brasil, que cotidianamente atua em defesa das professoras e professores da Bahia, é inaceitável e inadmissível que do mais alto cargo da República partam ataques às instituições democráticas. Porque os alvos não são o Congresso e o STF – os alvos somos nós, cidadãs e cidadãos brasileiros, são os nossos sagrados direitos de ação e participação na vida política, à liberdade em todos os seus aspectos.

Não podemos considerar a atitude do ora presidente como algo sem importância. Ele e seus filhos, envolvidos até a medula, até onde se sabe, com as milícias, são, também, contumazes agressores da democracia e das instituições republicanas – agem, pois, criminosamente. Precisam ser detidos, e isto é urgente! Mas isto só será possível com mobilização da sociedade, porque o voto dado ao candidato Jair Bolsonaro, quando da eleição de 2018, não é e não pode ser carta branca para que a democracia – esta mesma que garante o direito de voto – seja destruída. E é esta destruição que pretendem o ora presidente, seu clã e seus asseclas – não nos enganemos!

O SINPRO-BA conclama toda a categoria e a sociedade de modo geral a refletirem sobre o perigoso momento que vivemos e repudiarem o golpismo, o autoritarismo, a pretensão ditatorial e o fascismo que se nos apresentam.

Compartilhe!