Apresentação


Publicado em 06.07.2017 17:20:42

O Sindicato dos Professores no Estado da Bahia – Sinpro-BA, vem a público apoiar o movimento dos professores e professoras da Escola de Engenharia Eletromecânica da Bahia (EEEMBA), que vem descumprindo com as suas obrigações trabalhistas.

Além de não recolher o FGTS e as contribuições previdenciárias, A EEEMBA está há oito meses sem pagar os salários dos professores, que também não receberam férias, bem como 1/3 de férias.

O movimento paredista visa abrir negociação com a direção do estabelecimento de ensino, para que sejam regularizadas as infrações trabalhistas e sociais. Não havendo êxito, será deflagrada greve por tempo indeterminado.

Atenciosamente,
Diretoria Colegiada Sinrpo-BA

 

 

 

 

Compartilhe!